Páginas

quinta-feira, 21 de março de 2019

Um dos Maiores lideres Políticos de Pau dos Ferros, Nilton Figueiredo aniversaria amanhã dia 22


Homem sofre infarto em inauguração de loja no centro de Pau dos Ferros/RN

Mais detalhes...

A Polícia Militar através do 4° Distrito de Polícia Rodoviária Estadual, deflagra OPERAÇÃO SALAMANDRA

A Polícia Militar através do 4° Distrito de Polícia Rodoviária Estadual, deflagrou no dia de hoje a OPERAÇÃO SALAMANDRA, onde foi visitado oficinas de motocicletas na cidade de São Francisco do Oeste, com o objetivo de verificar denuncias de motocicletas com queixa de furto/roubo, como também desmanches.













Ao realizar abordagem em duas dessas, foram encontradas uma motoneta tipo Honda/Biz de cor vermelha, de placas (HXW8424) com queixa de furto, entretanto, tal motocicleta estava com a placa (MFN8515), como também foi encontrado um quadro com possíveis característica de adulteração. Desse modo, o proprietário da oficina foi conduzido junto com a motocicleta para 4° DRPC, para realização de procedimentos criminas, já quanto o quadro para exame mais apurado quanto a adulteração.



Nessa Operação, recebemos o apoio do policiamento local (Sgt. Resende e sua equipe), propiciando relevante auxílio para o sucesso da Ação realizada por esta unidade.

 Major Brilhante
Cmt do 4° DPRE/CPRE

" Educar e fiscalizar é o lema, combater a criminalidade é a missão"

Fonte: Assecom/4°DPRE
CB.Pimentel (P5).

Temer é chefe de organização criminosa há 40 anos, diz Lava Jato no RJ

Ex-presidente foi preso na manhã desta quinta-feira (21). A prisão teve como base a delação de José Antunes Sobrinho, dono da Engevix, que disse ter pago R$ 1 milhão em propina.

Momento em que o ex-presidente Michel Temer é abordado pela Polícia Federal — Foto: Reprodução/TV GloboMomento em que o ex-presidente Michel Temer é abordado pela Polícia Federal — Foto: Reprodução/TV Globo

Ex-presidente foi preso na manhã desta quinta-feira (21). A prisão teve como base a delação de José Antunes Sobrinho, dono da Engevix, que disse ter pago R$ 1 milhão em propina.

Momento em que o ex-presidente Michel Temer é abordado pela Polícia Federal — Foto: Reprodução/TV Globo
O ex-presidente Michel Temer é chefe de uma organização criminosa que atua há 40 anos no Rio de Janeiro, segundo investigação da Lava Jato no Rio de Janeiro. "Michel Temer é o líder da organização criminosa a que me referi, e o principal responsável pelos atos de corrupção aqui descritos", afirmou o juiz Marcelo Bretas na sentença.
Temer foi preso em São Paulo na manhã desta quinta-feira (21) por agentes federais do Rio de Janeiro. Na ação, ainda foi preso no Rio de Janeiro o ex-ministro de Minas e Energia Moreira Franco. A PF cumpre mandados contra mais seis pessoas, entre elas empresários. Os mandados foram expedidos pelo juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal do Rio, responsável pela Lava Jato no Rio de Janeiro.
A prisão de Temer é preventiva e teve como base a delação de José Antunes Sobrinho, dono da Engevix. O empresário disse à Polícia Federal que pagou R$ 1 milhão em propina, a pedido do coronel João Baptista Lima Filho (amigo de Temer), do ex-ministro Moreira Franco e com o conhecimento do presidente Michel Temer. A Engevix fechou um contrato em um projeto da usina de Angra 3. A investigação é um desdobramento das operações RadioatividadePripyat e Irmandade.
--:--/--:--
Prisão de Temer tem como base delação premiada de dono da Engevix que diz ter pago propina

CORPO DE MULHER PARAIBANA É ENCONTRADO ENTERRADO EM PAU DOS FERROS.

Polícia Civil, Sistema Penitenciário, ITEP e Corpo de Bombeiros realizaram uma força tarefa hoje (21) pela manhã e conseguiram encontrar o corpo de uma mulher que teria sido assassinada e enterrada às margens de um rio em Pau dos Ferros.



O crime teria acontecido no final de 2018, mas somente agora, depois uma longa investigação sigilosa, foi possível encontrar o corpo e descobrir os autores deste horrendo crime.
Dos 5 autores do crime, 4 foram presos e a motivação teria sido rivalidade entre facções criminosas.
Mais detalhes em instantes...
Cidadão 190

quarta-feira, 20 de março de 2019

Caern divulga lista de aprovados em concurso público


Resultado de imagem para concurso caernO concurso público da Companhia de Águas e Esgotos do Rio Grande do Norte (Caern) teve o seu resultado final divulgado nesta terça-feira (19) para vagas de nível técnico e superior.
O resultado está disponível no site do Instituto Brasileiro de Apoio ao Desenvolvimento Executivo (Ibade), que realizou a prova. Clique aqui para conferir.
As provas do concurso foram realizadas no dia 18 de novembro do ano passado e continha vagas para cargos de contador, analista de sistema, economista, administrador e técnico em segurança do trabalho.
A Caern informou que a convocação dos aprovados dentro das vagas disponibilizadas e cadastro de reserva vai acontecer de acordo com a disponibilidade e necessidade da Companhia. O prazo está determinado no edital e pode ser prorrogado pelo mesmo período.

Fonte: G1
João Moacir

Informativo a População Pau Ferrense

A Polícia Militar através do 4° Distrito de Polícia Rodoviária Estadual, dará inicio a OPERAÇÃO VOLANTE ATENA, que terá com objetivo a diminuição e ou erradicação da criminalidade no entorno das escolas, desse modo, o 4° DPRE atendendo solicitação de diretores de escolas, fará diariamente patrulhamentos e barreiras relâmpagos, realizando abordagens a pessoas e a veículos, com firme escopo de trazer novamente a sensação de segurança aos estudantes, professores e pais, que clamam por uma presença maior das forças de segurança.


Major Brilhante
Cmt do 4° DPRE/CPRE

" Educar e fiscalizar é o lema, combater a criminalidade é a missão"

Fonte: Assecom/4°DPRE
CB.Pimentel (P5).

“Docinho” uma das acusadas de matar e tocar fogo no corpo de uma criança em Mossoró é presa na cidade de Jucurutu.


Agentes da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa de Mossoró - DHM, com o apoio do Grupo Tático Operacional de Jucurutu, prenderam na manhã de hoje, 15 de março, Maria Luiza de Moura Diógenes, “Docinho” de 28 anos de idade, acusada de participação num crime de homicídio que teve como vitima Geane de Melo Nogueira de apenas 12 anos de idade.

Geane de Melo Nogueira foi raptada de casa no conjunto Jardim das Palmeiras em Mossoró e encontrada com o corpo completamente carbonizado dentro de um matagal, no bairro Dom Jaime Câmara, fato ocorrido no dia 4 de novembro do ano passado. 

Segundo o Delegado Rafael Arraes, titular da DHM em Mossoró, “Docinho” foi presa em cumprimento ao mandado de prisão preventiva expedido em seu desfavor.

Em decorrência de tal investigação já se encontram presos:
Maria Luiza de Moura Diógenes
Fábio David da Silva Aquino “Ceará”
Leticia Vital Ramos
Gedean Zacarias de Souza.

*O Câmera

Facebook, Google e Twitter lançam ferramentas novas contra fake news

Robson Pires

O Google, Facebook e Twitter vão ter ferramentas, até abril, contra as notícias falsas para as eleições europeias do fim de maio, respondendo ao apelo de Bruxelas, que admite progressos, mas quer “esforços adicionais”.
Em causa está um balanço divulgado hoje (20) pela Comissão Europeia relativo ao código de conduta subscrito por grandes plataformas digitais para combater a desinformação, que dá conta de que “todas as plataformas [signatárias] confirmaram que as suas ferramentas para avaliar a transparência dos anúncios políticos estarão funcionando antes das eleições”.
A nota é assinada pelos comissários europeus Julian King (União da Segurança), Mariya Gabriel (Economia e Sociedades Digitais) e Vera Jourová (responsável pelas áreas da Justiça, Consumidores e Igualdade de Gênero), que nesta terça-feira (19) se reuniram com responsáveis destas plataformas.

Governo do RN anuncia novo Portal da Transparência e explica polêmica sobre valores que possui em caixa

Governo do RN anuncia novo Portal da Transparência e explica polêmica sobre valores que possui em caixa — Foto: G1 RN
O governo do Rio Grande do Norte anunciou um novo Portal da Transparência, que deve começar a funcionar em abril. Ainda de acordo com o Executivo estadual, o portal é considerado um dos principais instrumentos de controle de receitas e despesas do poder público, e por isso será aperfeiçoado para garantir informações mais detalhadas das ações do governo, de forma a também evitar erros de interpretação.
“Hoje o portal não contabiliza informações relevantes, como repasses de impostos aos municípios. E sem essa transparência mais detalhada, induz ao erro de informações, inclusive publicadas na mídia, afora cálculos mal feitos sobre os números apresentados”, comentou o controlador-geral do Estado, Pedro Lopes.
Explicações
Ainda de acordo com o poder Executivo, um exemplo de desinformação disseminada em blogs do Rio Grande do Norte foi uma possível ‘sobra de caixa de R$ 1,4 bilhão’ nas contas do governo, dinheiro que o próprio governo estaria se recusando a utilizar para fazer o pagamento dos salários atrasados. Uma conta que, segundo Pedro Lopes, “mistura a má interpretação com a falta de transparência detalhada do Portal”.
“É preciso distinguir recursos vinculados e recursos do tesouro. O primeiro tem destinação carimbada e não pode ser usado para outro fim, como pagamento de salário. Desse recurso chegou ao cofre estadual R$ 841 milhões e já foram usados R$ 589 milhões. Por enquanto, temos um superávit de R$ 251 milhões de verba destinada para outros fins”, acrescentou o controlador-geral.
Ainda de acordo com Pedro Lopes, dos recursos ordinários da ‘fonte tesouro’ (Fonte 100), usados para pagamento de pessoal, o Portal da Transparência não informa as saídas aos municípios, a título de quota-parte, do ICMS, IPVA, IPI Exportação e royalties (R$ 332 milhões) nem os duodécimos de janeiro e fevereiro dos poderes e órgãos com autonomia financeira (R$ 244 milhões) e parte do repasse para o Fundeb (R$ 200 milhões).
Pedro Lopes ressalta ainda que há maior entrada de recursos na primeira quinzena do mês em relação às saídas. Contudo, essa situação é revertida na execução da segunda quinzena em virtude do repasse dos duodécimos, pagamento de fornecedores, repasses complementares ao Fundeb e ICMS dos municípios, além do complemento da folha de pagamento, no último dia útil do mês.
“O Portal da Transparência deixou de evidenciar esses gastos com repasse de ICMS e IPVA aos municípios e para o Fundeb, que acontecia até 2017. Estamos trabalhando para melhorar a qualidade dessa informação à sociedade. Outra grande novidade será a visualização em tempo real de todas as obras executadas pelo governo do RN”, concluiu. *G1 RN
JP

Bandidos assaltam posto de combustíveis na Grande Natal e trocam tiros com a PM e PRF; dois são presos


Bandidos assaltaram um posto de combustíveis na Reta Tabajara, na BR-304, no final da tarde desta terça-feira (19), mas foram interceptados pela Polícia Rodoviária Federal e pela Polícia Militar após o crime. Houve tiroteio e dois foram presos. Outros conseguiram fugir pelo matagal às margens da rodovia.
Segundo informações da PRF, os bandidos chegaram ao posto em um Ford Fiesta, assaltaram o local e também levaram um Jeep Renegade de um dos clientes. A PRF foi informada do assalto e conseguiu chegar até os criminosos em uma ação conjunta com a Polícia Militar.
Após a interceptação, houve troca de tiros e os bandidos jogaram os carros para a margem da rodovia. Após buscas pela região, dois assaltantes foram localizados e presos. Os carros foram recuperados e ninguém ficou ferido.
Por G1 RN

Itep encontra registro da 1ª identidade feita no RN; documento é de 1918

Primeiro registro de um documento de identidade feito no RN data de 10 de setembro de 1918, e contém a assinatura e as impressões digitais de Joaquim Ferreira Chaves Filho, o primeiro governador do Rio Grande do Norte eleito pelo voto aberto — Foto: Itep-RN/Divulgação
Não é de hoje que o Instituto Técnico-Científico de Perícia do Rio Grande do Norte (Itep-RN) deseja abrir um museu para expor ao público peças e documentos que ajudem a contar a história do órgão e também do povo potiguar. Enquanto o sonho não se torna realidade, a coleção acaba de ganhar uma relíquia de destaque. Trata-se do primeiro registro de um documento de identidade feito no estado. O documento data de 1918, e traz a assinatura e as impressões digitais de Joaquim Ferreira Chaves Filho, o primeiro governador do Rio Grande do Norte eleito pelo voto aberto.
O documento destaca observações interessantes. Como não havia a inclusão do recurso da foto no registro, há detalhes da descrição física de Joaquim Ferreira Chaves Filho, como cor dos olhos, barba, bigode e até a estatura. É possível ver ainda que o registro do ex-governador foi feito quando ele já tinha 65 anos de idade.
A folha tem a marca do governo do Rio Grande do Norte e aponta, logo no topo, o primeiro registro do então chamado Gabinete de Identificação e Estatística da Repartição Central de Polícia
O Itep passou recentemente por um processo de digitalização de seus documentos, como registros e laudos, o que tem permitido de maneira mais fácil o acesso a peças históricas. O projeto é de que, num futuro próximo, seja criado o ‘Museu do Itep’, algo idealizado em 2016 após a descoberta de um processo criminal contra o cangaceiro Lampião.
Joaquim Ferreira Chaves Filho — Foto: Arquivo
A intenção é que a atual sede do Instituto, que fica no bairro da Ribeira, seja transformado no museu assim que o Itep passar a funcionar na nova sede, na avenida Capitão-mor Gouveia. “A gente projetou uma sede nova e, com ela construída, seria interessante fazer desse prédio atual em que estamos, que é histórico, de 1936, o nosso museu”, explicou o diretor-geral do órgão, o perito Marcos Brandão.
Essa mudança só deve acontecer, no entanto, daqui a cerca de três anos, segundo o diretor. Enquanto isso, o Itep trabalha com o planejamento de reunir esses documentos históricos numa sala – que seria em outro prédio no bairro da Ribeira, no qual o Instituto deve instalar alguns setores nos próximos dias. “Por enquanto, a ideia é de fazer algo mais limitado, com acesso menor, numa sala dessa sede. Pelo menos para ter um negócio inicial”, pontuou.
Em 101 anos de atuação, o Itep já emitiu mais de 4 milhões de identidades no Rio Grande do Norte.
Quem foi Ferreira Chaves?
Dono da 1ª identidade feita no Rio Grande do Norte, Joaquim Ferreira Chaves Filho foi um advogado nascido em Pernambuco – como é possível ver no documento -, na capital Recife, em 15 de outubro de 1852, e que ganhou importância política em solo potiguar no final dos anos 1800 depois de se aproximar de Pedro Velho de Albuquerque Maranhão, líder do Partido Republicano do Rio Grande do Norte, e após atuação no judiciário do estado – ele passou por Martins, Pau do Ferros e Natal.
No governo de Miguel Joaquim de Almeida Castro, iniciado em 1891, ele liderou, junto com o ex-governador Manuel do Nascimento Castro e Silva e outros correligionários de Pedro Velho, uma conspiração para derrubar o governador. Miguel Castro foi deposto, preso e deportado para o Ceará. Joaquim Ferreira Chaves foi então escolhido para compor uma junta governativa.
“Em 1895, Ferreira Chaves foi escolhido por Pedro Velho para ser seu sucessor no governo do Rio Grande do Norte. Eleito, tomou posse em 25 de março de 1896. Em seu governo, possibilitou que a família Albuquerque Maranhão se consolidasse definitivamente no poder”, segundo explicou o professor doutor em história da UFRN, Renato Amado Peixoto, no Dicionário da Elite Política Republicana, da Fundação Getúlio Vargas, lançado em 2013.
Ele se tornou senador em 1900 e foi reeleito para o cargo por mais nove anos em 1903. Anos depois, ele aproveitou uma agitação no estado que defendia uma candidatura que não fosse ligada à família de Alberto Maranhão e foi eleito. Empossado em 1914, passou a lutar contra os benefícios dos “pedrovelhistas”. Foi nesse período que teve o seu registro de identidade feito.
“Em 1916 reformou a lei eleitoral do estado, tornando inelegíveis para o cargo de governador os parentes consanguíneos e afins”, explicou Renato Amado Peixoto. Após o governo, Ferreira Chaves foi indicado para o Ministério da Marinha, onde ficou de 1920 até 1921, e depois para o Ministério da Justiça e dos Negócios Interiores, de 1921 até 1922.
Em 1923, Ferreira Chaves tentou concorrer novamente ao governo do Rio Grande do Norte, mas dessa vez foi derrotado. Ferreira Chaves voltou ao Senado em 1924, mas com a “Revolução de outubro de 1930 e a dissolução de todos os órgãos legislativos do país, afastou-se da política”. Ele morreu no Rio de Janeiro no dia 12 de março de 1937. *G1 RN
JP

terça-feira, 19 de março de 2019

Está difícil agradar a categoria

Por Robson Pires, em


Uma categoria difícil de agradar é a Polícia Militar. Seus membros já elegeram para a Câmara Municipal de Natal Sargento SiqueiraSargento Regina e agora para a Assembleia Legislativa, Coronel Azevedo. Nos três casos, a insatisfação da categoria começou no primeiro ano de mandato. Siqueira e Regina não foram reeleitos.

Hugo Manso foi esquecido por Fátima

Robson Pires

Militante fiel do PT desde que o partido cabia num fusquinha no RN, o ex-vereador natalense Hugo Manso (PT) foi esquecido pela governadoraFátima Bezerra (PT). Não foi chamado sequer para o segundo escalão.

ADOLESCENTE DE 14 ANOS É MORTA, AMARRADA COM ARAME, ENROLADA EM LENÇOL E JOGADA ÁS MARGENS DE RODOVIA NO RN

Crime aconteceu nesta segunda-feira (18) em João Câmara, na região do Mato Grande. Ninguém foi preso.
Maria Heloize Vale da Silva completaria 15 anos na próxima terça-feira, dia 26 — Foto: Arquivo Pessoal
Uma adolescente de 14 anos foi encontrada morta na noite desta segunda-feira (18) às margens da BR-406, no município de João Câmara, na região do Mato Grande. Segundo a Polícia Militar, há relatos de que o corpo foi jogado às margens da rodovia. Ele estava amarrado com arame e enrolado em um lençol. Também foi constatado uma perfuração por arma de fogo na cabeça.
Maria Heloize Vale da Silva completaria 15 anos na próxima terça-feira, dia 26. Segundo a mãe da garota, que trabalha como terceirizada na Delegacia de Polícia Civil da cidade, a filha morava na casa do namorado, que não foi encontrado.
O delegado regional Nivaldo Floripes, disse que o namorado de Maria Heloize é suspeito do crime em razão de um histórico de violência. Porém, existe uma outra linha de investigação, pois há informações de que a garota foi vítima de uma facção criminosa que queria, na verdade, matar o companheiro dela. Como ele não estava em casa, ela acabou sendo assassinada.
Familiares da adolescente que foram ao local onde o corpo foi jogado ainda disseram à PM que ela estava sendo ameaçada de morte.
“Estas são apenas as primeiras informações que recebemos. E tudo ainda precisa ser bem apurado. Demos início às investigações, mas o caso vai ficar sob a responsabilidade do delegado municipal de João Câmara”, ressaltou Floripes.
Ainda de acordo com o delegado, o crime, muito provavelmente, aconteceu na casa onde o casal mortada, que fica no bairro São Francisco. Já o local onde o corpo foi jogado, fica na comunidade Quatro Bocas, perto da casa da mãe da menina.

G1-RN